Lula compartilhou a foto acima e escreveu: "É noiz no Planalto, mano. #vidaloka"

FACE - Após criar sua página pessoal no Facebook, o ex-presidente Lula enviou solicitações de amizades a parlamentares da base aliada. "Meus amigos e minhas amigas, peço seu voto para me tornar prefeito no Foursquare", escreveu. Em seguida, deixou recados carinhosos para os aniversariantes e cutucou Fernando Collor. "Falar de mim é fácil, difícil é ser eu" escreveu Lula em sua timeline, enquanto alterava seu status para "em um relacionamento sério com Marisa Letícia".

A assessoria de imprensa do Instituto Lula informou que o ex-presidente conseguiu apoio suficiente para propor uma reforma agrária no FarmVille. "Nunca antes na história desse Facebook, um metalúrgico foi tão longe", diz o texto. O ex-presidente prometeu ainda enviar solicitações de "Meu Calendário" para as classes menos favorecidas e disse que irá se empenhar pessoalmente para implementar o Bolsa-Clique: "Todo braslieiro terá direito ao seu link patrocinado", vaticinou. Trinta milhões de pessoas curtiram.

Numa atitude que julgou "histórica", Lula enviou solicitações de amizade para Fernando Collor e Fernando Henrique Cardoso. Ambos aceitaram prontamente. Lula, no entanto, ainda não respondeu à solicitação de amizade enviada por José Dirceu. Segundo sua assessoria, o ex-presidente quer se certificar se não se trata de um perfil falso.

Antes de fazer logoff, Lula ainda teve tempo de compartilhar o link do perfil de Fernando Haddad. "O companheiro Haddad ainda tem poucos amigos", escreveu. Só 3% das pessoas clicaram.

 

Leia também

CBF unifica títulos de Lula

Imprensa golpista insiste que Lula não é mais presidente do Brasil

Exames clínicos de Lula mostram que oposição desapareceu

Lula e Marisa celebram o amor na Ilha de Caras

Lula negociará fim do pecado original